Informação de Qualidade para toda a população!

sexta-feira, 27 de novembro de 2020

Acidente que matou 41 pessoas em SP ocorreu por falta de freio, diz motorista do ônibus



O proprietário e o motorista da transportadora Star Turismo, cujo ônibus que se dirigia para o município de Taquarituba e chocou-se com um caminhão, em um acidente que matou 41 pessoas na SP-249 na última quarta-feira (25/11), prestaram hoje depoimento à Polícia Civil.

A delegada responsável pelo caso, Camila Rosa Alves, informou que a versão do motorista e da empresa é de que o acidente ocorreu quando o motorista tentou frear o ônibus para evitar colisão com um veículo que ia à frente em velocidade reduzida.

“Ele [alega que] acionou o freio, que não funcionou. Para evitar a colisão, tirou o ônibus à esquerda”, contou a delegada ao Metrópoles, conforme o relato do motorista. Segundo ela, a história confirma a versão informal do caso, que já vinha sendo discutida.

Responsável pelo veículo, a empresa Star não apresentou a documentação, por falta de registros. “Ficaram de apresentar”, afirmou a delegada. “Eles confirmam em certo ponto a falta dos registros. Atribuem à Covid-19 não terem conseguindo a renovação”, afirmou.

A delegada aguarda laudo para saber se o motorista estava acima do limite de velocidade no momento do acidente. As vítimas do acidente foram veladas em um ginásio em Itaí (SP), município vizinho à região do acidente, e enterrados na quinta-feira (26/11).

Nenhum comentário:

Postar um comentário