Informação de Qualidade para toda a população!

sexta-feira, 27 de novembro de 2020

Advogado é preso por abusar de crianças: 'pagava aos pais para cometer crime'



Nessa terça-feira (24), um advogado de 44 anos, que não teve o nome divulgado, foi preso em flagrante suspeito de abusar sexualmente de duas crianças (11 e 12 anos) e uma adolescente (15 anos), em Anastácio, Mato Grosso do Sul. As informações são do G1 MS.

O caso estavam sendo investigado há seis meses. No momento da prisão, o suspeito estavam com as menores dentro do carro. A polícia encontrou celulares, dinheiro, embalagens de camisinha e bebida alcóolica dentro do carro do advogado. 

Ao G1, a delegada Joilce Ramos Silveira, responsável pelas investigações do caso, contou que os pais e avós das vítimas tinham conhecimento da situação e que recebiam dinheiro para permitir os crimes sexuais. Todos foram presos e vão responder pelo crime  de submeter criança e adolescente à prostituição com agravante de pena por serem responsáveis. 

Ainda segundo a delegada, depois de ser preso, o advogado foi levado para a Delegacia de Atendimento à Mulher (DAM) e confessou que saia com as meninas de 11, 12 e 15 anos há cerca de 2 meses, mas, em depoimento, o avô das menores relatou que os encontros começaram há 2 anos. 

Os parentes das vítimas recebiam dinheiro, pagamento de contas e presentes. Mesmo com todas as evidências do crime, para polícia, as jovens negaram que foram abusadas. O advogado vai responder pelos crimes de estupro de vulnerável, submeter criança e adolescente à prostituição e também por dirigir embriagado. 

Ao G1, a Ordem dos Advogados do Brasil em Mato Grosso do Sul (OAB-MS) informou que está ciente do crime e em breve irá se posicionar por meio de nota.

Nenhum comentário:

Postar um comentário