Informação de Qualidade para toda a população!

quinta-feira, 6 de maio de 2021

Falido? Eduardo Costa vai à TV, implora por dinheiro e faz apelo por sua vida: “Medo de morrer”



O sertanejo reforçou que está passando por dificuldades financeiras

Eduardo Costa é um dos cantores sertanejos de maior sucesso do país, porém, assim como todos os artistas, enfrenta um longo período de escassez de shows, já que por causa da pandemia os eventos não podem acontecer.

Sem a sua principal fonte de renda, o famoso já afirmou por diversas vezes que passou por grandes dificuldades financeiras, em uma entrevista recente para o UOL, Eduardo revelou que conseguiu manter seus empregados, mas que não resistiria a crise por muito mais tempo.

“Consegui manter a minha equipe. Mas se eu tiver que segurar mais um pouco, já não consigo mais. Porque todos os negócios estão em queda livre. Não é só a música, todos os meus negócios estão passando por enormes dificuldades. Uma hora essa corda vai arrebentar”, revelou o cantor.

Além da carreira como músico, Eduardo Costa também é um grande empresário do agronegócio, porém, assim como o ramo artístico, o setor também sofreu com uma forte crise. E durante uma entrevista à TV Aparecida, no programa Odair Terra, o sertanejo deu mais detalhes sobre sua situação financeira.

“Nessa quarentena eu gastei muito mais do que ganhei e as produções que nós fizemos, tanto da quarentena na minha casa, quanto do Pantanal, teve um gasto muito grande, num momento em que as nossas despesas continuaram e a receita não entra. Então, ficamos todos muito preocupados”, revelou.

O ex-parceiro de Leonardo ainda aproveitou o espaço para mandar um recado para os admiradores da música sertaneja: “Quem tiver condições, invista no artista do seu gosto, invista na arte, na música. As vezes as pessoas querem tudo de graça, mas esquecem que tem um profissional por trás”, ressaltou.

AMEAÇAS DE MORTE

Na última semana, após lançar a música “Cuidado”, Eduardo Costa escandalizou ao revelar que ele e sua família estão sofrendo diversas ameaças de morte. Na letra da canção, o sertanejo faz várias críticas sobre a situação política atual do Brasil.

Mesmo sem citar nomes, Eduardo diz que muitas pessoas de diferentes posições políticas começaram a ameaçá-lo depois do lançamento e em uma conversa com a colunista Fábia Oliveira, o galã comentou que precisou contratar seguranças.

“Eu não ando com segurança, mas hoje eu tô com dois seguranças, porque eu não conheço esse povo, né gente? Eu não fiz música pra ninguém, nem pra um lado e nem pro outro. Eu não tenho medo de ninguém não, nem medo de morrer, mas quando se trata da minha família, eu tenho medo sim. Minha família é a coisa mais importante que eu tenho”, lamentou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário