Informação de Qualidade para toda a população!

sábado, 8 de maio de 2021

Religiosa que prometia curar covid-19 é achada mumificada



Com a chegada da covid-19 por todos os cantos do mundo, muitas pessoas chegaram a anunciar a cura contra a doença ou até mesmo realizar rituais religiosos para expulsar o novo coronavírus. As informações são do O Dia. 

Crianças são usadas em ritual religioso contra a covid-19

Desta vez, o corpo de uma líder de um grupo religioso, identificada como Lia Amy Carlson, de 45 anos, foi encontrado mumificado em uma situação macabra. 

A mulher foi encontrada dentro de um saco de dormir, enrolada em luzes natalinas, com os olhos arrancados e maquiagem de glitter no rosto.

Segundo a polícia do estado de Denver, nos Estados Unidos, o corpo da líder do grupo religioso chamado Love Has Won (O Amor Vence), já estava em estado de decomposição.

Ritual religioso contra crianças: 9 pessoas são indiciadas

Sete membros da seita foram encontrados no local onde o corpo estava. Todos foram presos e conduzidos como suspeitos. Outras duas crianças, de 14 e 2 anos, estão sob custódia da justiça americana.

A principal hipótese da polícia americana é que Amy tenha ingerido pratas coloidais, substância que o grupo comercializava alegando promover a cura da covid-19.

O grupo Love Has Won surgiu em 2018 e contava com 20 membros até a prisão dos envolvidos no crime. Amy alegava ser uma criatura de 19 bilhões de anos e que havia sido filha de Donald Trump em outras vidas

Nenhum comentário:

Postar um comentário